domingo, 23 de outubro de 2016

Sergio Gregório de Curitiba PR, visita os alados de Laguna.

 23/10/2016, o vento nordeste soprava forte, mas o prazer de estar em meio a natureza, contemplando os muitos seres, que habitam os campos alagados de Laguna, não o fizeram esmorecer. O professor universitário Sergio Gregório, que estava de passagem pelo município, fez questão de admirar nossa avifauna. Esta é a segunda vez que nos visita e prometeu retornar. Sergio está entre os quinze maiores Birders do Brasil, ultrapassando a marca das 1100 espécies fotografadas, em 16 unidades da federação, por onde passou. Ele ocupa o 15º lugar, no ranking do Wiki Aves, até o momento!


Cardeal-do-banhado (Amblyramphus holosericeus)


Mergulhão-grande (Podicephorus major)

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Guiando o casal de Florianópolis Hernani e Sandra Rebello, pelos banhados de Laguna SC.

No domingo, 16-10-2016, o casal  Hernani Rebello e Sandra Rebello, vem à Laguna, para conhecer um pouco da nossa diversidade, no que se refere a avifauna! Levaram muitos Lifers e prometeram retornar.

                                    Obrigado por sua visita! Volte sempre!


Urubu de cabeça amarela (Cathartes burrovianus)

Dragão (Pseudoleistes virescens)

Amarelinho do junco (Pseudocolopteryx flaviventris)

Geiser Trivelato visita Laguna


Em 14-10-2016, mostrei ao experiente guia Geiser Trivelato e seu pupilo Ruan, nossa fauna e flora que vivenciaram pelos recantos de Laguna.  Eles buscavam em especial, nossos alados emplumados.
Geiser reside em Jacutinga Minas Gerais. Eles gostaram muito da diversidade encontrada por aqui e seu filho Ruan, que está iniciando como Birder, fez muitas Lifers.
Geiser é guia profissional e tem vários roteiros pelo Brasil! Confira:  http://geisertrivelato.webs.com/

Obrigado por sua visita! Volte sempre!


Maçarico de colete (Calidris melanotos)

               Gavião do banhado (Circus buffoni) e Cardeal do banhado (Amblyranphos holocericeus)
 
Coleiro do brejo (Sporophila collaris)


terça-feira, 27 de setembro de 2016

Em 24 de setembro de 2016, Orlando José recebe o BIRDER Celso Queiróz, vindo da cidade de Ribeirão Preto, São Paulo. O dia não ajudou muito, devido ao frio e o tempo fechado, mas apesar de já ter em seu currículo mais de 600 espécies, conseguiu várias lifers nos banhados de Laguna.
Celso ficou maravilhado pelos banhados do nosso município e prometeu retornar!

Obrigado por sua visita! Volte sempre!


Balança-rabo-de-mascara (Polioptila dumicola)



 Dragão (Pseudoleistes virescens)


Mergulhão-grande (Podicephorus major)


quarta-feira, 6 de julho de 2016

Aves de banhado

Maria faceira (Syrigma sibilatrix)

                                         Carauna de cara branca (Plegadis chihi)

                                                Curicaca ( Theristicus caudatus)

                               Frango d'água azul ( Porphyrio martinicus)

                                  Tapicuru de cara pelada (Phimosus infuscatus)

Gavião do banhado (Circus buffoni)

terça-feira, 14 de junho de 2016

Papa-piri, Tricolino e Bate-bico no Laguna Internacional!

Numa investida ornitológica, nos banhados do Laguna Internacional, foram avistados diversas espécies de aves, dentre elas destaque para, o Papa-piri (Tachuris rubrigastra), Tricolino (Pseudocolapterix sclateri), Bate-bico (Phleocryptes melanops), Freirinha (Arundinicola leucocephala) e o Socó-boi-baio (Botauros pinnatus).  Nos dias 14 e 15 de junho de 2016. 



Papa-piri (Tachuris rubrigastra)



Tricolino (Pseudocolapterix sclateri)


 Bate-bico (Phleocryptes melanops)


























Freirinha (Arundinicola leucocephala)


Socó-boi-baio (Botauros pinnatus)









sábado, 4 de junho de 2016

Passarinhando 'solito' em junho de 2016

Iniciando o mês de junho de 2016, numa investida ornitológica, no banhado do Laguna Tourist Hotel, Laguna SC. Uma vasta lista de aves foram avistadas no local, dentre elas, desdaco fotos da: Alma de gato (Piaya cayana), Saracura do mato (Aramides saracura), Saracura sanã (Pardirallus nigricans) e Lavadeira-mascarada (Fluvicola nengeta).


Alma de gato (Piaya cayana)


 Saracura do mato (Aramides saracura)


Saracura sanã (Pardirallus nigricans)


Lavadeira-mascarada (Fluvicola nengeta)


segunda-feira, 16 de maio de 2016

Sabá-laranjeira - ave símbolo do Brasil

Presidência da República
Casa CivilSubchefia para Assuntos Jurídicos
Dispõe sobre o "Dia da Ave" e dá outras providências.
        O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso II, da Constituição,
        DECRETA:
        Art. 1o  O "Dia da Ave", instituído pelo Decreto no 63.234, de 12 de setembro de 1968, será comemorado no dia 5 de outubro de cada ano.
        Art. 2o  O centro de interesse para as festividades do "Dia da Ave" será o Sabiá (Turdus Rufiventris), como símbolo representativo da fauna ornitológica brasileira e considerada popularmente Ave Nacional do Brasil.
        Art. 3o  As comemorações do "Dia da Ave" terão cunho eminentemente educativo e serão realizadas com a participação das escolas e da comunidade.
        Art. 4o  Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.
        Art. 5o  Revoga-se o Decreto no 63.234, de 12 de setembro de 1968.
Brasília, 3 de outubro de 2002; 181o da Independência e 114o da República.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
Paulo Renato Souza
José Carlos Carvalho
Euclides Scalco

domingo, 1 de maio de 2016

Para melhorar o entendimento no assunto, para além do conhecimentos de campo e estudos na internet, o que consideramos, conhecimento empírico, busquei mais conhecimento, ou seja, no campo científico. Como todas as matérias da ciência, onde, nada se encerra em si mesma, o conhecimento é contínuo e gradual. Assim sendo, colher novos paradigmas nunca é demais.

Coma disse Sócrates:  "ipse se nihil scire id unum sciat" (Latim) - "Só sei que nada sei" Retraduzido para o grego: catarévussa como "[ἓν οἶδα ὅτι] οὐδὲν



segunda-feira, 7 de março de 2016

Crânios encontrados em campo

Crânio e bico da Ardea cocoi, popularmente conhecida por garça-moura.
Considerad a maior garça do Brasil, chegando a medir 1,80 metros de envergadura.
Alimenta-se de peixes, sapos, rãs, ratos, caranguejos e pequenos insetos, entre outros.
Está presente em todo o Brasil. Ocorre do Panamá ao sul da Argentina.
Ordem: Pelicaniformes - Família: Ardeidae.





Crânio e bico de Thalassarche chlororhynchos - nome popular: Albatroz de nariz amarelo.
Ave com aproximadamente 79 centímetros de comprimento, chegando a dois metros de envergadura e pesando em média dois quilos e setecentos gramas.
Vive em alto mar e além de peixes, alimenta-se de cefalópodes.
Habita o atlântico sul, entre Africa e a América do Sul.
Ordem: Procellariiformes - Família: Diomedeidae.




Bobo-pequeno - Puffinus puffinus.
Mede de 30 a 38 de centímetros de comprimento e envergadura entre 76 a 89 centímetros, pesando em média 550 gramas. 
Alimenta-se de pequenos peixes, calamares e crustáceos.
Habitante do norte, migra para a costa brasileira, 
Argentina e África do Sul, nos meses de setembro a março.



Carcará - Caracara plancus  
Mede 56 centímetros de comprimento e 123 de envergadura.
Alimenta-se de filhotes de aves, sapinhos, cobras, lagartos, incluindo carniça de outros animais.
A espécie se distribui desde o sul dos Estados Unidos até a Argentina. Ocorre em todo o Brasil.
Ordem: Falconiformes. Família: Falconidae.



terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Lista de aves com ocorrência em Laguna Santa Catarina: Por: Orlando José Machado

Ordem: Tinamiformes
Família: Tinamidae > Codorna amarela.

Ordem:Anseriformes
Família: Anhimidae > Tachã.
Família: Anatidae > Marreca-cricri, Marreca-parda, Marreca-caneleira, Marreca-de-coleira, Marreca-pé-na-bunda, Marreca-de-cabeça-preta, Marreca-toicinho, Marreca-de-bico-roxo, Asa-branca, Capororoca, Irerê.

Ordem:Galiformes
Família: Cracidae > Aracuã-escamoso.

Ordem: Podicipediformes
Família: Podicipediae: Mergulhão-grande, Mergulhão-caçador, Mergulhão-de-orelha-branca.

Ordem: Sphenisciformes
Família Spheniscidae: Pingoim-de-magalhães.

Ordem: Procellariiformes
Família: Diomedeidae: Albatroz-de-nariz-amarelo, Albatroz-de-sobrancelha.
Família: Procellaridae: Grazina-de-barriga-branca, Bobo-pequeno, Bobo-grande-de-sobre-branco, Pombo-do-cabo, Pardela-de-óculos, Albatroz-de-cabeça-cinza.
Família: Hydrobatidae: Alma-de-mestre.

Ordem: Suliformes
Família: Sulidae:  Atobá-pardo.
Família: Phalacrocorax: Bigua.
Família: Fregatidae: Tesourão.

Ordem: Pelicaniformes:
Família: Ardeidae: Garça-branca-grande, Garça-branca-pequena, Garça-azul, Garça-moura, Garça-vaqueira, Maria-faceira, Savacu-de-coroa, Savacu, Socozinho, Socó-boi, Socó-boi-baio, Socoí-amarelo.
Família: Threskiornithidae: Carauna-de-cara-branca, Colhereiro, Tapicuru-de-cara-pelada.

Ordem: Ciconiiformes:
Família: Ciconiidae: Cabeça-seca, Maguari.

Ordem: Cathartiformes:
Família: Cathartidae: Urubu-de-cabeça-vermelha, Urubu-de-cabeça-amarela, Urubu-de-cabeça-preta.

Ordem: Accipitriformes:
Família: Pandionidae: Águia-pescadora.
Família: Accipitridae: Gavião-caramujeiro, Gavião-carijó, Gavião-de-cabeça-cinza, Gavião-preto, Gavião-Tesoura, Gavião-caboclo, Gavião-do-banhado, Gavião-de-rabo-branco, Gavião-de-cauda-curta.

Ordem: Falconiformes:
Família: Falconidae: Acaã, Carrapateiro, Chimango, Falcão-de-coleira, Quiriquiri, Carcara, Falcão-peregrino.

Ordem: Gruiformes:
Família: Aramidae: Carão.
Rallidae: Carqueja-de-bico-amarelo, Carqueja-de-bico-vermelho, Carqueja-de-bico-manchado, Frango-d’água-comum, Frango-d’água-azul, Saracura-do-mato, Saracura-matraca, Saracura-sanã, Saracuruçu, Saracura-do-banhado, Sanã-parda, sanã-carijó.

Ordem: Charadriiformaes:
Família: Jacanidae: Jaçana.
Família: Rostratuidae: Narceja-de-bico-torto.
Família: Haematopodidae: Piru-piru.
Família: Recurvirostridae: Pernilongo-de-costas-brancas.
Família: Charadriidae: Batuíra-de-bando, Batuíra-de-coleira, Batuíra-de-coleira-dupla, Batuíra-de-peito-tijolo, Batuíruçu, Batuíruçu-de-axila-preta, Quero-quero.
Famílía: Scolopacidae: Maçarico-acanelado, Maçarico-de-bico-virado, Maçarico-de-bico-torto, Maçarico-pintado, Maçarico-grande-de-perna-longa, Maçarico-de-perna-amarela, Maçarico-de-asa-branca, Maçarico-de-papo-vermelho, Maçarico-de-colete, Maçarico-branco, Maçarico-de-sobre-branco, Maçarico-pernilongo, Maçariquinho, Narceja, Vira-pedras, Pisa-n’água.
Família: Stercorariidae: Mandrião-parasítico.
Família: Laridae: Gaivotão, Gaivota-maria-velha.
Família: Sternidae: Trinta-réis-anão, Trinta-réis-grande, Trinta-réis-boreal, Trinta-réis-de-bico-vermelho, Trinta-réis-de-coroa-branca, Trinta-réis-de-bando, Trinta-réis-real.
Família: Rynchopidae: Tlaha-mar.

Ordem: Columbiformes:
Família: Columbidae: Pombo-doméstico, Pombão, Pomba-de-bando, Rolinha-picuí, Rolinha-roxa, Juriti-pupu.

Ordem: Psittaciformes:
Família: Psittacidae:  Caturita.

Ordem: Cuculiformes:
Família: Cuculidae: Anu-branco, Anu-preto, Papa-lagarta-cinzenta, Papa-lagarta-de-asa-vermelha, Alma-de-gato, Saci.

Ordem: Strigiformes:
Família: Tytonidae: Coruja-da-igreja.
Strigidae: Jacurutu, Coruja-listrada, Coruja-buraqueira, Coruja-orelhuda.

Ordem: Caprimulgiformes:
Família: Nyctibiidae: Mãe-da-lua.
Família: Caprimulgidae: Corucão, Bacurau-tesoura.

Ordem: Apodiformes:
Família: Apodidae: Taperuçu-de-coleira-branca, Taperuçu-de-coleira-falha.
Família: Trochilidae: Beija-flor-tesoura, Beija-flor-preto, Beija-flor-de-orelha-violeta, Beija-flor-de-veste-preta, Beija-flor-de-fronte-violeta, Beija-flor-de-garganta-verde, besourinho-de-bico-vermelho.

Ordem: Coraciiformes:
Família: Alcedinidae: Martim-pescador-pequeno, Martim-pescador-grande, Martim-pescador-verde.

Ordem: Galbuliformes:
Família: Bucconidae: João-bobo.

Ordem: Piciformes:
Ramphastidae: Tucano-de-bico-verde.
Família: Picidae: Picapauzinho-verde-carijó, Pica-pau-verde-barrado, Pica-pau-do-campo.

Ordem: Passeriformes:
Família: Thamnophilidae: Bicudinho-do-brejo, Choca-de-chapéu-vermelho, Choca-da-mata.
Família: Tachuridae: Papa-piri.
Família: Furnaridae: João-de-barro, Bate-bico, Boininha, João-botina-do-brejo, Cochicho, Curutié, João-tenenem, Curriqueiro, João-da-palha.
Família: Tyrannidae: Barulhento, Risadinha, Guaracava-de-barriga-amarela, Tucão, Papa-moscas-canela, Tricolino, Amarelinho-do-junco, João-pobre,Bem-te-vi, Suiriri-cavaleiro, Neinei, Bentevizinho-de-penacho-vermelho, Tesourinha, Peitica, Viuvinhao-de-ôculos, Filipe, Freirinha, Lavadeira-mascarada, Suiriri-pequeno, Noivinha-branca, Noivinha, Alegrinho.
Família: Rhinchoclinidae: Bico-chato-de-orelha-preta, Maria-da-restinga.
Família: Rhynchocylidae: Ferreirinho-relógio.
Família: Papridae: Rendeira.
Família: Corvidae: Gralha-azul.
Família: Hirundinidae: Andorinha-pequena-de-casa, Andorinha-morena, Andorinha-serradora, Andorinha-do-campo, Andorinha-doméstica-grande, Andorinha-de-sobre-branco, Andorinha-chilena, Andorinha-do-barranco, Andorinha-de-bando.
Família: Troglodytidae: corruíra.
Família: Polioptilidae: Balança-rabo-de-máscara.
Família: Turdidae: Sabiá-uma, Sabiá-laranjeira, Sabiá-poca, sabiá-barranco.
Família: Mimidae: Sabiá-do-campo, Calhandra-de-três-rabos.
Família: Motacilidae: Caminheiro-de-espora, Caminheiro-zumbidor, Caminheiro-de-barriga-acanelada.
Família: Coerebidae: Cambacica.
Família: Thraupidae: Tié-preto, Tico-tico-rei, Saíra-militar, Sanhaçu-cinzento, Sanhaçu-do-coqueiro, Cardeal, Sanhaçu-papa-laranja, Quem-te-vestiu, Canário-da-terra-verdadeiro, Tipiu, Canário-do-brejo, Coleirinho, Saira-viuva.
Família: Parulidae: Mariquita, Pia-cobra, Pula-pula.
Família: Icteridae: Encontro, Cardeal-do-banhado, Sargento, Garibalde, Dragão, Chopim-do-brejo, Asa-de-telha, Vira-bosta, Polícia-inglesa-do-sul.
Família: Fringilidae: Gaturamo-verdadeiro, Gaturamo-rei.
Família: Estrildidae: Bico-de-lacre.
Família: Passeridae: Pardal.

Fontes: Wiki Aves, Aves Catarinense, Blog LagunAves.

domingo, 3 de janeiro de 2016

Águia Pescadora - Pandion haliaetus (Linnaeus, 1758)




Águia-pescadora

A águia-pescadora é uma ave Accipitriforme da família Pandionidae.
Conhecida também como gavião-pescador, gavião-do-mar e gavião-papa-peixe. No interior da Amazônia é conhecida como gavião-caipira.

Nome Científico

Seu nome científico significa: do (grego) Pandion = personagem mitológico grego; e do (grego) haliaetus = águia, águia do mar. ⇒ Águia do rei Pandion.